Resenha: Bruxos e Bruxas - O Dom , James Patterson e Ned Rust




Ficha Técnica: 
Título: Bruxos e Bruxas - O Dom
Autor: James Patterson e Ned Rust
Editora: Novo Conceito
Ano de lançamento: 2013
Gênero: Ficção de fantasia / Romance
Páginas: 288
Preço médio: R$29,90






Olá galerinha! 

Bom, para quem não leu a resenha do primeiro volume da série, você pode vê-la aqui . 

A história começa agitadinha, com a execução de Margô, uma amiga da Wisty e a ultima punk do mundo. O Único a executou para chamar a atenção dos irmãos, e como Wisty é muito emotiva, ela pega fogo em meio a multidão, ela quer destruir tudo, mas Whit a pega no colo e sai correndo em busca de um local seguro. Então aparece uma bruxa que manda eles seguirem um mapa e algum tempo depois eles atravessam um portal  e por fim encontram um cartaz que mostra que seus pais são procurados pela N.O.  - Ufa, muita coisa acontece em muito pouco tempo, você fica até um pouco confuso :P

Com a ajuda de alguns feitiços, eles conseguem encontrar o caminho para a loja de departamentos Garfunkel's e MUITA, MUITA coisa acontece por lá.  O líder da semana é ninguém menos do que o Fuinha, ou Byron, como preferirem. Acontecem algumas missões para salvar crianças que estavam sobre o poder da N.O. Para distrair um pouco, é organizado um festival de música, uma banda chamada Bionics se apresenta e Wisty se apaixona pelo baterista, e isso não é nem um pouco legal. Eles marcam de sair, mas quando Wisty vai  ao encontro de Eric (baterista)  ela encontra aquela bruxa que os ajudou a fugirem da  N.O. durante a execução de Margô; ela convida Wisty para entrar em seu apartamento e elas conversam sobre algumas coisas até que ela diz para Wisty: " ... como você já deve ter descoberto, O Único Que É O Único é um yenta total. "  Yenta é uma pessoa que quer se meter na vida de todos. Elas pensam em como derrota-lo e depois Wisty vai ao encontro de Eric. Whit sabendo que era uma armadilha vai atras e tenta impedir de que levem sua irmã, mas falha.

Eles são levados para o Edifício dos Edifícios e são interrogados pelo Único. Acontecem coisas horríveis nesse lugar, e Byron acha que a magia de Wisty passa para os outros. Eles fogem do E.dosE. pelo vaso sanitário virando dois peixinhos.

Byron descobre outra coisa, descobre que Whit é clarividente, e agora que os dois irmãos sabem os seus Dons, eles devem abrir mão deles.

Bom, é isso pessoal!  Acho que não comentei com vocês na resenha passada mas os livros da série Bruxos e Bruxos já tem direitos adquiridos para o cinema, acredito que logo logo iremos ver os irmãos Allgood na telinha do cinema.

Beijinhos e até a próxima!

Nenhum comentário:

Postar um comentário