Ler em Inglês: Como começar, dicas e mais, por Istefani Marcos





Oi gente, como você estão?

O post de hoje vai ser um pouco diferente. Percebi que alguns comentários nas resenhas internacionais são de pessoas que querem começar a ler em inglês, então resolvi dar uma ajudinha. Vamos combinar, não tem coisa mais chata do que ficar esperando a tradução da continuação de uma série que queremos muito né? Isso quando são traduzidos, pois tem muito livro bom lá fora que não ganha edição brasileira. 

Eu comecei a ler em inglês justamente por esse motivo. Queria muito ler o livro These Broken Stars, da autora Amie Kaufman, porém o livro estava demorando muito para ser traduzido aqui (e até hoje ainda não foi). Até que um dia cansei de esperar e decidi ler o bendito em inglês mesmo, na cara e na coragem. E deu certo. No começo foi difícil? Foi. Mas valeu muito a pena.

Pensando naqueles que querem começar a se aventurar na língua estrangeira, escrevi esse post para dar um help e mostrar que ler em inglês não tão complicado quanto parece.

O MITO

Para ler em inglês eu tenho que estar cursando ou já ter cursado inglês em alguma escola de idiomas.

Para você começar a ler em inglês, basta querer. Conheço várias pessoas que nunca pisaram em uma escola de idiomas e leem sem problema algum. Tudo é uma questão de vontade. 

Muitas pessoas acham que não vão conseguir ou que não são capazes. O conselho que eu dou é: acredite na sua capacidade. No começo vai ser difícil? Claro que vai, mas isso é normal, ou vai dizer que você nunca enfrentou dificuldades para ler em português?

Não desista, persista! Quanto mais você ler, mais você vai adquirir vocabulário e isso vai fazer com que a leitura fique mais fácil.

AS DICAS

Esqueça o dicionário. Muita gente vira refém do dicionário quando vai ler em inglês. Esqueça! Ficar consultando o dicionário de cinco em cinco minutos faz você perder o ritmo da leitura, e fica parecendo que o livro é chato. A minha dica é tentar entender a palavra pelo contexto, ou então escrevê-la em algum caderno para procurar a tradução quando você parar de ler (isso foi o que fiz, lembro que meu caderninho de vocabulário tinha mais de 200 palavras).

Leia um livro do seu gênero ou autor favorito. Comece com algo que você tenha familiaridade. Se você gosta de romances, comece por eles. Assim você já vai estar acostumado com a linguagem do livro, e acredite, isso vai facilitar bastante. Ler livros que você já leu em português ou que você já assistiu ao filme também é uma ótima ideia.

Comece por livros mais finos. Livros grossos em inglês podem ser assustadores e o pior, desanimadores. Comece por algo mais fino. Outra coisa muito importante é ler um livro que você queira muito ler. Isso vai te deixar empolgado, o que ajuda a não desistir no meio do caminho.

Estabeleça uma meta. Pode ser de 20 páginas por dia, um capítulo... isso você decide. O importante é praticar a leitura todos os dias, só assim você vai ganhando experiência e a leitura ficando mais fácil. É importante também você não ter pressa. No inicio, ninguém vai ler um livro em um único dia. A princípio, a leitura começar devagar e a medida que você ganha experiência e segurança, a velocidade aumenta.

Respeite o seu nível de inglês. Antes de ler um livro em inglês, é preciso saber qual o seu nível de conhecimento no idioma. Existe uma maneira bem fácil de descobri-lo. No site da Amazon tem sempre uma amostra do livro. Lendo essa amostra dá de saber o nível de inglês do livro. Já se você estiver em uma livraria, dê uma folheada, leia alguns trechos. Além disso, nas resenhas internacionais aqui do blog sempre falo qual o nível de inglês da obra.
LIVROS DE NÍVEL FÁCIL

Confess, Colleen Hoover: Auburn Reed has her entire life mapped out. Her goals are in sight and there’s no room for mistakes. But when she walks into a Dallas art studio in search of a job, she doesn’t expect to find a deep attraction to the enigmatic artist who works there, Owen Gentry.
For once, Auburn takes a risk and puts her heart in control, only to discover Owen is keeping major secrets from coming out. The magnitude of his past threatens to destroy everything important to Auburn, and the only way to get her life back on track is to cut Owen out of it.
The last thing Owen wants is to lose Auburn, but he can’t seem to convince her that truth is sometimes as subjective as art. All he would have to do to save their relationship is confess. But in this case, the confession could be much more destructive than the actual sin…


Cinder & Ella, Kelly Oram: It’s been almost a year since eighteen-year-old Ella Rodriguez was in a car accident that left her crippled, scarred, and without a mother. After a very difficult recovery, she’s been uprooted across the country and forced into the custody of a father that abandoned her when she was a young child. If Ella wants to escape her father’s home and her awful new stepfamily, she must convince her doctors that she’s capable, both physically and emotionally, of living on her own. The problem is, she’s not ready yet. The only way she can think of to start healing is by reconnecting with the one person left in the world who’s ever meant anything to her—her anonymous Internet best friend, Cinder. 
Hollywood sensation Brian Oliver has a reputation for being trouble. There’s major buzz around his performance in his upcoming film The Druid Prince, but his management team says he won’t make the transition from teen heartthrob to serious A-list actor unless he can prove he’s left his wild days behind and become a mature adult. In order to douse the flames on Brian’s bad-boy reputation, his management stages a fake engagement for him to his co-star Kaylee. Brian isn’t thrilled with the arrangement—or his fake fiancée—but decides he’ll suffer through it if it means he’ll get an Oscar nomination. Then a surprise email from an old Internet friend changes everything.




Kiss an Angel, Susan Elizabeth Phillips: Pretty, flighty Daisy Devreaux can either go to jail or marry the mystery man her father has chosen for her. Arranged marriages don't happen in the modern world, so how did the irrepressible Daisy find herself in this fix?
Alex Markov, as humorless as he is deadly handsome, has no intention of playing the loving bridegroom to a spoiled little feather-head with champagne tastes. He drags Daisy from her uptown life to a broken down traveling circus and sets out to tame her to his ways.
But this man without a soul has met his match in a woman who's nothing but heart. Before long, passion will send them flying sky high without a safety net... risking it all in search of a love that will last forever.



LIVROS DE NÍVEL INTERMEDIÁRIO


Angelfire, Courtney Allison Moulton: First there are nightmares.
Every night Ellie is haunted by terrifying dreams of monstrous creatures that are hunting her, killing her.Then come the memories. 
When Ellie meets Will, she feels on the verge of remembering something just beyond her grasp. His attention is intense and romantic, and Ellie feels like her soul has known him for centuries. On her seventeenth birthday, on a dark street at midnight, Will awakens Ellie's power, and she knows that she can fight the creatures that stalk her in the grim darkness. Only Will holds the key to Ellie's memories, whole lifetimes of them, and when she looks at him, she can no longer pretend anything was just a dream.Now she must hunt.
Ellie has power that no one can match, and her role is to hunt and kill the reapers that prey on human souls. But in order to survive the dangerous and ancient battle of the angels and the Fallen, she must also hunt for the secrets of her past lives and truths that may be too frightening to remember.



The Match of the Century, Cathy Maxwell: Every debutante aspires to snag a duke. Elin Morris just happens to have had one reserved since birth. But postponements of her marriage to London's most powerful peer give Elin time to wonder how she will marry Gavin Baynton when she cannot forget his brother, Benedict.
Already exasperated at being yanked from the military to meet "family obligations," now Ben must suffer watching his arrogant sibling squire the only woman he has ever loved. Joining the army saved Ben from sinking into bitterness, but seeing Elin again takes him back to the day they surrendered to their intoxicating desire.
As the wedding draws near, Elin tries to push Ben far from her thoughts. When danger brings them together, there is no denying their feelings. But can Elin choose love over duty? 

LIVROS DE NÍVEL AVANÇADO


The Lost Crown, Sarah Miller: Olga, Tatiana, Maria, and Anastasia. Like the fingers on a hand--first headstrong Olga; then Tatiana, the tallest; Maria the most hopeful for a ring; and Anastasia, the smallest. These are the daughters of Tsar Nicholas II, grand duchesses living a life steeped in tradition and privilege. They are each on the brink of starting their own lives, at the mercy of royal matchmakers. The summer of 1914 is that precious last wink of time when they can still be sisters together--sisters that link arms and laugh, sisters that share their dreams and worries, and flirt with the officers of their imperial yacht.
But in a gunshot the future changes for these sisters and for Russia.
As World War I ignites across Europe, political unrest sweeps Russia. First dissent, then disorder, mutiny, and revolution. For Olga, Tatiana, Maria and Anastasia, the end of their girlhood together is colliding with the end of more than they ever imagined.
At the same time hopeful and hopeless, naive and wise, the voices of these sisters become a chorus singing the final song of Imperial Russia. Impeccably researched and utterly fascinating, this novel by acclaimed author Sarah Miller recounts the final days of Imperial Russia with lyricism, criticism and true compassion.

The White Queen, Philippa Gregory: Brother turns on brother to win the ultimate prize, the throne of England, in this dazzling account of the wars of the Plantagenets. They are the claimants and kings who ruled England before the Tudors, and now Philippa Gregory brings them to life through the dramatic and intimate stories of the secret players: the indomitable women, starting with Elizabeth Woodville, the White Queen.
The White Queen tells the story of a woman of extraordinary beauty and ambition who, catching the eye of the newly crowned boy king, marries him in secret and ascends to royalty. While Elizabeth rises to the demands of her exalted position and fights for the success of her family, her two sons become central figures in a mystery that has confounded historians for centuries: the missing princes in the Tower of London whose fate is still unknown. From her uniquely qualified perspective, Philippa Gregory explores this most famous unsolved mystery of English history, informed by impeccable research and framed by her inimitable storytelling skills.
With The White Queen, Philippa Gregory brings the artistry and intellect of a master writer and storyteller to a new era in history and begins what is sure to be another bestselling classic series from this beloved author.

É isso gente. Espero que vocês tenham gostado do post e que ele tenha ajudado vocês de alguma maneira. Se alguém tiver mais alguma dúvida ou quiser mais dicas de livros fáceis/intermediários/difíceis é só deixar nos comentários que eu respondo. Até a próxima.

49 comentários:

  1. Oie, tudo bem?

    Puxa, amei demais esse post, acho super válida esse tipo de dicas literária <3
    Eu já li livros em inglês - não sou fluente e não frequentei cursos próprios para isso, então, eu leio m-u-i-t-o d-e-v-a-g-a-r. Por isso, acabo desistindo desse tipo de leitura </3 Mas os que li tive um ótimo proveito, inclusive, dá muito para aprender sobre a língua fazendo isso! É uma ótima experiência, meio autodidata (e eu gosto muito disso hehe).

    Love, Nina.
    http://ninaeuma.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Nina.
      Não desista menina! continue lendo, quanto mais voc~e ler, mais fácil fica.
      Beijos.

      Excluir
  2. Uma coisa que eu sei sobre os livros em inglês: muitos deles tem as capas mais lindassssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssss que já vi ( muito além do que temos nas capas das versões em portugues :( ).

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Augusto
      SIIIIM!!!! as capas dos livros em inglês são muito mais lindas. Sem falar que tem as edições em capa dura, que são maravilhosas <3

      Excluir
  3. Olá, Istefani. Fiz cursinho, porém não me arrisco tanto em ler livros em inglês, confesso. Só li um até hoje e li com o nacional ao lado, ainda mais por se tratar de J.R. Ward que usa muitas gírias e expressões que são difíceis de traduzir. Mas, acho bacana quem tem vontade e se arrisca, pois como você mesmo citou, é chato de fato ter de esperar o lançamento por aqui, isso quando ele acontece.
    Abraços
    www.viciadosemleitura.blog.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Bianca
      Quem sabe se você ler um livro de nível mais fácil vc tbm não pega gosto pelos livros em inglês? é muito melhor não ficar esperando tradução hihiih
      beijos
      :D

      Excluir
  4. Olá, adorei as dicas! Tenho muita vontade de ler algum livro em inglês, mas o que me falta é a coragem, pois tenho medo de não conseguir e não entender. Algum dia, vou perder esse medo e tentar ler um livro em inglês.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi
      Não precisa ter medo, não. É mais fácil do que parece :)

      Excluir
  5. Poxa adorei suas dicas sério, eu sou uma que sempre tive muita dificuldade no inglês, mas tenho muita vontade de aprender, irei da uma estudada antes por mim mesma e depois tenta os livros, parabéns pela iniciativa.

    Beijos
    Books And Carpe Diem

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Karine
      Que bom que você gostou das dicas.
      Obrigada! :D
      beijos

      Excluir
  6. Acho que sua primeira dica deveria ser extinta. Dicionário tem que fazer parte da vida da gente até no bom e velho (chato) português. Quando leio algum livro em inglês sempre tenho um perto de mim porque tem muita palavra noutro idioma que a gente precisa saber corretamente do que se trata.
    Toda vez que dou dica de ler em inglês falo para a pessoa ler um livro do autor preferido, começar com algo bem fácil Nunca dou dicas de fantasias hehehehehehe.

    Beijinhos, Helana ♥
    In The Sky, Blog / Facebook In The Sky

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Helana
      Eu particularmente acho que o dicionário mais atrapalha do que ajuda. Claro que é importante consulta-lo as vezes, mas a todo momento só atrapalha. Mas cada pessoa desenvolve o próprio método de leitura :)
      Siiiim, fantasias são péssimas para quem está começando hehe
      beijos

      Excluir
  7. Oiee,
    Muito legal sua publicação. Não leio nada em ingles e tenho certeza que teria uma imensa difilcudade, pois nunca li nada mesmo, rs. Valeu pelas dicas

    Beijos da Fê
    As Catarina´s

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Fernanda
      espero que as dicas te ajudem a começar a ler em inglês :)
      beijos

      Excluir
  8. Amei cada dica .... parabéns pelo post! Sabe... há tempos estou ensaiando começar ler alguns livrinhos em inglês, mas sempre deixo esse projeto para depois de amanhã! A verdade é que ler em outro idioma é essencial para qualquer leitor, porque assim podemos explorar autores, livros e "Mundos" desconhecidos!

    Amei as dicas, parabéns!

    Um super beijo

    Keyla - Blog Leituraterapia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Keyla
      Quem sabe o post não te dá um empurrãozinho pra vc começar a ler em inglês? hehe
      beijos

      Excluir
  9. Ooi! Eu aprendi inglês sozinha, apenas estudando em livros e lendo dicionários. Eu creio que para uma pessoa querer ler em inglês, ela tem que ter foco e força de vontade, porque não é simples quando não se sabe muito de vocabulário e algumas regras essenciais para entender o contexto. Achei suas dicas ótimas! Eu costumo ler em inglês livros que até já foram lançados aqui, mas em sua maioria, livros que uma colega me indica para eu ler e surtarmos juntas Kkkkkkk e é bem bacana! Se tem dúvida, não é pra sentir vergonha de pesquisar (sempre que bate a dúvida em mim, vou direto para o google, nos milhares de sites disponíveis!), mas sim esforçar-se para aprender a língua, seja ela qual for.
    Beeeijos (tem até umas dicas no meu blog :D)!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiii
      concordo com vc, se a pessoa quer ler em inglês, ela consegue. O começo é difícil mesmo, mas depois melhora hehehe exato, não tem que ter vergonha mesmo. Quando estou com dúvidas uso muito o Urban Dictionary, acho ele um dos melhores dicionários que tem na internet.
      Beijos.

      Excluir
  10. Sempre achei lindo ver as pessoas falando inglês, ms sempre ficava com aquele pensamento negativo " muito difícil ", " nunca vou consegui ", tenho que fazer cursos " e por ai vai...
    Mas no ano passado resolvi acreditar no meu potencial, está longe do nível avançado, mas pude perceber que sim é possível basta querer e se esforçar.
    ainda não peguei nenhum livro, mas sempre busco textos e breves historias, em breve estarei " expert "na leitura em inglês.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Emilaine
      A primeira coisa que tem que fazer é perder o medo e acreditar na sua capacidade :D
      Beijos

      Excluir
  11. Oie!
    Muito interessante esse post, pois eu sou uma que tenho vontade de ler livros em inglês, só me falta a vontade de começar ahah Acabo ficando refém da publicação brasileira, que muitas vezes não acontece ou demora para acontecer. Já me indicaram alguns livros de leitura bem fácil, só preciso começar.
    Bjks!
    http://www.historias-semfim.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Carla
      Se joga nas leituras em inglês, menina! você não vai se arrepender!
      beijos

      Excluir
  12. Olá,
    Fiz cursinho por algum tempo, mas nunca me arrisquei ler um livro na coragem rs
    A co-funadora do blog sempre faz resenha de livros que ainda não tem aqui no Brasil e eu acho o máximo. Vou criar essa coragem :)
    Parabéns pelo post, bem interessante
    beijos
    www.conchegodasletras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi
      Que bom que vc gostou do post, espero que ele te ajude de alguma maneira :D
      beijos

      Excluir
  13. Oi,
    Amei o post!! Confesso que também fico frusta esperando o lançamento dos livros dos autores que amo. Tenho mt vontade de ler em inglês, mas nunca tentei por medo. Vou anotar as dicas e tentar colocar em prática.
    Bjs!
    Fadas Literárias

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Iris
      Muito chato ter que ficar esperando tradução, né?
      Que bom que você gostou das dicas :)
      beijos.

      Excluir
  14. Olá!

    Eu nunca tentei ler em inglês, mas tentei em francês e acabei abandonando a leitura, justamente por ficar a cada dois minutos olhando o dicionário. E olha que o livro era infantil. Mas achei as dicas super válidas, muito chato ficar esperando tradução de livro, independente do idioma!

    resenhaeoutrascoisas.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Kamila
      na minha opinião, o dicionário mais atrapalha do que ajuda.
      beijos

      Excluir
  15. Oii,

    Ótimas dicas hein!! Gostei.
    Mas acho que seria uma dessas pessoas que ficam olhando o dicionário...hahahaha. Acho que é por isso que eu entrei para um grupo de traduções, que sempre trazem um livro bacana.

    beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi
      já participei de grupos de tradução no orkut (to velha) ahhaha acho super legal o trabalho deles.
      beijos

      Excluir
  16. Oi, tudo bem?
    Eu adorei as dicas, confesso que fico olhando o dicionário de cinco em cinco minutos, mas vou tentar não fazer mais isso.
    Eu comecei a ler inglês pelo livro Anna e o beijo francês e tô achando bem fácil, só que ainda não terminei. Leio aos poucos.
    Mas vou anotar as dicas e os livros (nível fácil) que você indicou. Muito obrigada mesmo.

    Beijos
    Leitora Sempre

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Jéssica, tudo bem?
      Que bom que você gostou das dicas. Anna e o beijo francês li em português, mas ouvi falar que o inglês é bem tranquilo.
      Beijos

      Excluir
  17. Olá!
    É sempre bom conseguir ler em inglês, até porque tem muito livro que não é traduzido para o português, né?
    Uma coisa que eu faço que me ajudou bastante foi ler um livro que eu já tinha lido em português, isso me ajudou bastante e aos poucos to começando a ler em inglês obras inéditas para mim.
    bjs
    diariodeumapsicopedagoga.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Mariana
      Ler um livro que vc já leu em português é bom pq vc já está acostumada com a linguagem usada. Continue praticando!
      beijos

      Excluir
  18. Olá querida
    Tudo bom?
    EU sou uma daquelas pessoas que acham impossível ler em inglês sem ter um curso, meu conhecimento é bem basicão, mas com suas dicas, vou tentar ler os de nível mais fácil.
    Adorei seu post.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Michelle
      que bom que você gostou das dicas... tentar não custa nada, né?
      Beijos

      Excluir
  19. Oi...
    Sabe o que ajyda muito? Ler algum livro em inglês que você já leu em português. ...comecei assim e deu super certo...
    Adorei as dicas. ..

    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Denise
      que bom que vc gostou das dicas :)
      beijos

      Excluir
  20. Oi...
    Sabe o que ajyda muito? Ler algum livro em inglês que você já leu em português. ...comecei assim e deu super certo...
    Adorei as dicas. ..

    Bjs

    ResponderExcluir
  21. Não há nada igual à leitura original de um livro. Sempre se perde algo na tradução, pois certas expressões são intraduzíveis, e o tradutor precisa se limitar ao que fica mais próximo. Há um trocadilho em italiano que resume bem isso: traduttore, traditore, ou seja, tradutor, traidor. Claro que isso é apenas uma brincadeira, afinal, o trabalho desses profissionais é muito importante. As limitações são da língua mesmo. Achei o seu post muito útil!

    Tatiana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Tatiana
      Exato! na tradução, as vezes, muita coisa legal do texto original é perdida. Por isso é tão bom ler em inglês. Meu sonho é aprender mais línguas, para poder ler ainda mais livros o original ehhehe
      beijos

      Excluir
  22. Gostei bastante das dicas e estou pensando seriamente em coloca-las em prática, pois quero tentar ler em inglês, mas pensei me começar com ebooks de contos que tem vários na Amazon, principalmente em inglês. Espero ter uma boa experiência e quem sabe mais para frente me arriscar a ler livros.

    http://www.daimaginacaoaescrita.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá
      Ebooks são legais pois os e-readers tem aplicativos de dicionários, o que facilita bastante na hora da leitura
      beijo

      Excluir
  23. Olá! Gostei bastante de suas dicas, mas acho que antes eu preciso dar uma atualizada no meu inglês! As capas costumam ser diferentes quando os livros são lançados em outros países e eu adoro compara-las e tentar entender os motivos dessas mudanças. Vou pensar nessas dicas para os próximos meses, bacana demais!
    Abraço!
    http://pacoteliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Karla
      na minha opinião, as capas dos livros em inglês são bem mais bonitas ehehehe
      beijos

      Excluir
  24. Hello! Tudo bem?

    Muito bacana o seu post!!
    Eu tb quero ler vários livros que estao em ingles e as editoras ou nao compraram os direitos ou ainda nao temos data para lançar em portugues.
    Realmente ler com um dicionario do lado nao da mto certo, a gente perde o foco demais. Se nao entendeu uma palavra, melhor seguir em frente q no geral a gente entende, hehe.
    Eu comecei lendo mesmo em ingles, qdo peguei um livro que eu gosto mto e que ja sabia da historia. Foi um inicio bom, e q com o tempo a gente vai se aventurando por outros livros.
    Adorei o post.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Suzzy
      Odeio ficar esperando tradução!!! siiim, com o tempo vamos ganhando prática e nos aventuramos nas leituras ehehhe
      beijos

      Excluir
  25. Ahh, como eu queria.. Mas, meu nível de inglês é tipo só as cores e animais.
    kkkkkk
    preciso estudar muito ainda.
    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiiii
      Nunca é tarde para começar :D se arrisque, menina! é mais fácil do que parece.
      Beijos

      Excluir